Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘videos’ Category

A Banda Black Rio é uma das melhores bandas surgidas a partir dos anos 70, a qualidade harmônica de suas músicas são excepcionais, os naipes dão o tom e o sabor nas músicas.

A banda ficou muito conhecida quando gravou a abertura da novela Locomotivas da Rede Globo. A Banda Black Rio representa o que há de melhor da música negra americana no Brasil,  banda referência para muitos que querem surfar nesta onda do Soul, do Funk e do Jazz.

Misturando o melhor da música brasileira, como a Gafieira e o Samba, a sonoridade é uma das mais perfeitas já produzidas no Brasil. Músicas como: Nova Guanabara, Carrossel, Locomotivas, Nove no Samba, etc, demonstram toda a qualidade de seus excelentes músicos.

 A Banda Black Rio é um grupo carioca formado em 1976 pelo saxofonista Oberdan Magalhães, sobrinho do sambista Silas de Oliveira.

A ideia surgiu a partir do produtor Don Filó, na época contratado pela WEA Discos (Warner/Elektra/Atlantic) que pilotava o sucesso fonográfico das equipes de som com os parceiros Alcione Magalhães (irmão de Oberdan Magalhães) e Nirto Promoções (primo de Don Filó). A equipe Soul Grand Prix, que liderava as vendas de disco pelo movimento black resolveu inovar no lançamento do seu segundo LP pela WEA, criando em 1976 uma surpresa. Don Filó convenceu a cúpula da gravadora (Andre Midani e Mazola) a incluir uma faixa instrumental da música “Juju Man” do grupo alemão “Passport” no novo LP da Soul Grand Prix. Oberdan Magalhães foi arregimentado para montar o grupo que teve como base o grupo “Azymuuth”, além de Oberdan Magalhães, Barrosinho e Marcio Montarroyos. A canção foi um sucesso nas pistas de dança black. Estava aberto o caminho para a criação da Banda Black Rio, que envolveu Luis Carlos (bateria e percussão), Barrosinho (trumpete), Lucio (trombone), Claudio Stevenson (guitarra), Jamil Joanes (baixo), Cristovão Bastos (piano). A produção do primeiro álbum foi do produtor Mazola, cabendo a Don Filó a coordenação artística e concepção de repertório, juntamente com Oberdan Magalhães.

Banda Black Rio e Caetano Veloso

A banda gravou 6 discos: Maria Fumaça, produzido por Mazola, foi o primeiro álbum, originalmente lançado em 1977, e no mesmo ano a canção que da nome ao álbum foi o tema de abertura da telenovela Locomotivas da Rede Globo. Gafieira Universal, o segundo, foi produzido por Durval Ferreira e lançado em 1978: Gafieira Universal. Esse álbum marcou a estréia do grupo na RCA.

O terceiro álbum, Saci Pererê, foi lançado em 1980. O quarto foi com o cantor Caetano Veloso, show gravado ao vivo no Teatro Carlos Gomes no Rio,em 1978 . Mas so foi lancado pela Universal em 2002. O grupo foi desfeito em 1985,1 ano apos a morte de Oberdan Magalhaes. Anos depois a BBR foi reeditada e hoje tem sido uma grande referência para o mundo da musica; artistas renomados como MosDef e a banda Incognito têm gravado suas músicas. Ao longo dos anos, BBR teve varias formações e competentes músicos fizeram respeitosamente parte dessa continuidade. Em 2011, BBR apresenta Super Nova Samba Funk, lançada pelo Selo Inglês Far Out Recordings que foi distribuído no Brasil.

O álbum mostra que é mais do que um conceito musical, é a unificação da musica negra numa variedade de rimos desde jazz ao rap. É a união dos estilos, artistas e gerações. O álbum está mostrando ao seu público que o conceito original está vivo, e, além disso, modernizado. O álbum tem a honra de contar com importantes ícones da música negra como Gilberto Gil, Elza Soares e muitos outros.

DISCOGRAFIA:

1977 – Maria Fumaça – Atlantic/WEA
1978 – Gafieira Universal – RCA Victor
1980 – Saci Pererê – RCA Victor (relançado em CD em 2001 pela BMG)[2]
1995 – Global Brazilians (CD) Global Brazilians –
2000 – Rebirth/Movimento – MR Bongo
2011 – Supernova Samba Funk – Far Out Recording

 

 

Anúncios

Read Full Post »

arenacorinthians_jogo_get_95

Este é um especial exibido pelo Discovery Channel de ótima qualidade, que exibe desde o projeto até a conclusão, inclusive relatando todos os problemas que geraram atrasos na obra, além de também exibir a infra estrutura construída pelo governo de SP na cidade, para acesso dos torcedores até o estádio em Itaquera.

A Arena Corinthians, popularmente conhecida como Itaquerãoé um estádio de futebol localizado no distrito de Itaquera, na Zona Leste do município de São Paulo, Brasil. De propriedade do Sport Club Corinthians Paulista, a arena foi inaugurada oficialmente em 18 de maio de 2014 e foi palco da cerimônia de abertura e de seis jogos da Copa do Mundo FIFA de 2014, incluindo o de abertura.

Com capacidade para 48 234 lugares, é o quinto maior estádio da Série Ado Campeonato Brasileiro de Futebol e o 11º maior do Brasil. Durante a Copa do Mundo e pelo menos até o final de 2014, foram mais de 63 mil espectadores. Devido ao pedido da FIFA de pelo menos 65 mil lugares para o jogo de abertura da Copa do Mundo, 19.800 assentos temporários foram adicionados ao estádio para o torneio internacional.

Read Full Post »


osvaldão2

Pouco se sabe hoje em dia sobre a ditadura militar, nossa história não é contada como realmente aconteceu para a população em geral. Os poucos heróis que possuímos, não são conhecidos pela maioria, os que lutaram para democratizar o país. Músicos, cineastas, jornalistas e qualquer pessoa comum que fosse suspeito de conspiração contra o governo, era perseguido e torturado.

Hoje podemos ir aonde quisermos, podemos falar qualquer coisa, seja na TV, na rua, nas redes sociais ou até mesmo em um simples blog.

Houve um tempo que não existia  liberdade, e vários heróis quase anônimos lutaram para o Brasil se tornar o que é hoje. Muitos foram mortos, torturados ou exilados, outros se revoltaram e se tornaram guerrilheiros.

araguaia2

Forças Armadas na Guerrilha do Araguaia

A ditadura militar foi um mal terrível, foi uma das piores coisas que aconteceram no país, a ponto de um dos heróis ser fuzilado, decapitado como Tiradentes, mas isso em pleno 1974, há apenas 40 anos atrás, no que foi conhecido como Guerrilha do Araguaia, e o herói pouco conhecido em questão foi Osvaldo Orlando da Costa, o Osvaldão(1938 – 1974).

Antes da história deste herói quase anônimo, vamos contar o que foi a Guerrilha do Araguaia.

A Guerrilha do Araguaia

A Guerrilha do Araguaia foi um movimento guerrilheiro existente na região amazônica brasileira, ao longo do rio Araguaia, entre fins da década de 1960 e a primeira metade da década de 1970. Criada peloPartido Comunista do Brasil (PCdoB), tinha por objetivo fomentar uma revolução socialista, a ser iniciada no campo, baseada nas experiências vitoriosas da Revolução Cubana e da Revolução Chinesa.

araguaia3

José Genuíno participou na época, ainda tinha ideais, agora…

Combatida pelas Forças Armadas a partir de 1972, quando vários de seus integrantes já haviam se estabelecido na região há pelo menos seis anos, o palco das operações de combate entre a guerrilha e os militares se deu onde os estados de Goiás, Pará e Maranhão faziam divisa. Seu nome vem do fato de se localizar às margens do rio Araguaia, próximo às cidades de São Geraldo do Araguaia e Marabá no Pará e de Xambioá, no norte de Goiás (região onde atualmente é o norte do estado de Tocantins, também denominada como Bico do Papagaio).

Estima-se que o movimento que pretendia derrubar o governo militar, tomar o poder fomentando um levante da população, primeiro rural e depois urbana, e instalar um governo comunista no Brasil como havia sido feito em Cuba e na China.

Era composto por cerca de oitenta guerrilheiros sendo que, destes, menos de vinte sobreviveram, entre eles, o ex-presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), José Genoíno, que foi detido pelo Exército em 1972, ainda na primeira fase das operações militares. A grande maioria dos combatentes, formada principalmente por ex-estudantes universitários e profissionais liberais, foi morta em combate na selva ou executada após sua prisão pelos militares, durante as operações finais, em 1973 e 1974.  Mais de cinquenta deles são considerados ainda hoje como desaparecidos políticos.

araguaia11

Um dos últimos jantares dos guerrilheiros

Desconhecida do restante do país à época em que ocorreu, protegida por uma cortina de silêncio e censura a que o movimento e as operações militares contra ela foram submetidos, os detalhes sobre a guerrilha só começaram a aparecer cerca de vinte anos após sua extinção pelas Forças Armadas, já no período de redemocratização.

O Guerrilheiro Osvaldão (Osvaldo Orlando da Costa)

osvaldão3

Osvaldão foi militar antes de guerrilheiro

Filiação: Rita Orlando dos Santos e José Orlando da Costa

Data e local de nascimento: 27/04/1938, Passa Quatro (MG)

Organização política ou atividade: PCdoB

Data do desaparecimento: entre janeiro e abril de 1974

Mineiro de Passa Quatro, Osvaldão, como era conhecido, foi o primeiro quadro do PCdoB a chegar ao Araguaia, entre 1966 e 1967. Negro, 1,98m de altura, forte, era tido como generoso e corajoso, sendo muito respeitado pelos moradores e por seus companheiros. Carismático e temido pelos militares, foi um grande mito da guerrilha entre a população da região, ao lado de Dina.

Entre 1952 e 1954 morou na cidade de São Paulo, onde fez o curso Industrial Básico de Cerâmica na Escola Técnica. Mudou-se para o Rio de Janeiro e se formou na Escola Técnica Federal, como Técnico de Construção de Máquinas e Motores, em 1958. Como atleta, vinculou-se ao Botafogo Futebol e Regatas, onde foi campeão carioca de boxe. Tornou-se oficial da reserva do Exército, após servir no Centro de Preparação de Oficiais da Reserva – CPOR do Rio de Janeiro.

Viajou para a antiga Tchecoslováquia (atual República Tcheca), onde cursou até o 3º ano de Engenharia de Minas, em Praga. Em sua homenagem, o escritor tcheco Cytrian Ekwensi escreveu, em 1962, o livro O homem que parou a cidade (“Lidé  z  mesta”)..  O guerrilheiro só contou esse segredo, em 1963, à sua irmã Irene Orlando, que recebeu, com uma dedicatória, um exemplar do livro. Por sua militância política, foi obrigado a viver na clandestinidade logo depois de abril de 1964, quando já militava no PCdoB.

o-OSWALDAO-facebook

Quando chegou ao Araguaia entrou na mata como garimpeiro e mariscador, tornando-se o maior conhecedor da área entre os militantes do PCdoB ali instalados. No ano de 1969, fixou residência numa posse que adquiriu às margens do Rio Gameleira. Sobre Osvaldão surgiram inúmeras lendas. Sobre sua bondade, sua força, sua coragem e também sobre sua pontaria. Foi comandante do Destacamento B, onde participou com êxito de vários combates. Foi, ao lado de Dina, o mais conhecido dos militantes do PCdoB entre a população do Araguaia.

Estava no acampamento da Comissão Militar quando ocorreu o ataque das Forças Armadas no dia de Natal de 1973, conseguindo escapar. Segundo depoimentos de moradores da região, foi morto em abril de 1974, próximo à Semana Santa, perto de São Domingos. Seu corpo foi dependurado por cordas em um helicóptero que o levou de Saranzal, local onde foi morto, até o acampamento militar de Bacaba e de lá para Xambioá. Na primeira vez em que o cadáver foi içado pelo helicóptero, caiu e fraturou ossos da perna. Posteriormente, sua cabeça foi decepada e exposta em público. Na base militar de Xambioá, seu cadáver foi violado por chutes, pedradas e pauladas dadas pelos militares, sendo finalmente queimado e jogado no buraco conhecido como “Vietnã” (vala situada ao final da pista de pouso da Base Militar de Xambioá), onde eram lançados os mortos e moribundos. Com o término das operações militares, foi feita uma grande terraplanagem para descaracterizar o local.

José Rufino Pinheiro, que durante 6 meses e 16 dias ajudou o Exército na mata, entre 1973 e 1974, afirma ter presenciado a morte de Osvaldão, quando guiava um batalhão com 32 soldados. Segundo declaração prestada por ele, em 05/07/2001, ao Ministério Público Federal em São Domingos do Araguaia, Osvaldão foi morto na capoeira do Pedro Loca, junto da Palestina, por volta de 4 horas da tarde, por Arlindo Piauí, que era guia formado (homem de confiança do Exército). José Rufino conta que Osvaldão, muito magro e com fome, estava de costas, comendo macaxeira sentado num tronco caído, quando foi alvejado. Segundo o guia, ele foi atingido com um tiro só, de uma cartucheira 12, e o corpo foi levado pelo Exército para Xambioá, sendo um dos últimos guerrilheiros a ser morto.

Os relatórios militares trazem datas diferentes das relatadas pelos moradores da região, unânimes na afirmação de que Osvaldão foi morto em abril de 1974. O Relatório do Ministério do Exército, de 1993, aponta como data da morte 07/02/1974, informando ainda que Osvaldão teria realizado curso de guerrilha na Escola Militar de Pequim e que seria responsável pela execução de Pedro Ferreira da Silva, apontado como guerrilheiro, mas na verdade um grileiro de terras e informante das forças de repressão. O Relatório da Marinha, também de 1993, indica 02/01/1974 como data de sua morte. Hugo Studart, em A Lei da Selva, informa que o Dossiê Araguaia registra a morte em abril de 1974, o que coincide com dezenas de depoimentos colhidos entre moradores locais. Studart acrescenta, ainda, que seu corpo foi enterrado no cemitério de Xambioá, mas no ano seguinte foi exumado e levado para ser queimado na Serra das Andorinhas.

dina

 Dina foi uma das guerrilheiras desaparecidas

O livro de Taís Morais e Eumano Silva, “Operação Araguaia”, discorre sobre suas atividades e sua morte: “Dava especial atenção ao treinamento militar e mostrava-se crítico com o despreparo dos companheiros. Matou um militar em encontro casual na mata e participou da execução de um morador. Tornou-se lenda na área da guerrilha. No imaginário da população, Osvaldão adquiriu fama de imortal. Os soldados inexperientes tremiam de pavor quando ouviam histórias sobre o gigante invencível. Os agentes secretos caçavam o comandante negro e ofereciam recompensa para quem informasse seu paradeiro. O mateiro Arlindo Piauí viu Osvaldão sentado na mata e, antes de qualquer reação do guerrilheiro, atirou e matou o mais famoso dos comunistas do Araguaia. A Marinha registra a morte em 7/2/74. O corpo foi içado pelo helicóptero e mostrado em toda a região antes de ser levado para a Base de Xambioá”.

Documentário sobre a Guerrilha do Araguaia – Parte 1:

Video que comenta sobre a condenação do Brasil pela Corte Interamericana em 2013  a investigar a batalha e o desaparecimento de vários guerrilheiros na Guerrilha do Araguaia:

 

Read Full Post »

Os 23 eleitos para defender nossa querida Pátria de chuteiras foi convocada hoje, são eles:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Goleiros
Julio César, Jefferson e Victor

Laterais
Marcelo, Daniel Alves, Maicon e Maxwell

Zagueiros
Thiago Silva, Dante, David Luis e Henrique

Volantes
Paulinho, Luiz Gustavo, Fernandinho e Ramires

Meias
Hernanes, Willian e Oscar

Atacantes
Bernard, Hulk, Fred, Jô e Neymar

A Copa do mundo começou exatamente hoje.

Entrevista Coletiva:

Read Full Post »

arenacorinthians1

Enfim, o estádio do Corinthians e da abertura da Copa 2014 está sendo entregue, hoje houve um evento com 5.000 mil crianças como espectadores, haverá mais 3 eventos testes, inclusive com um jogo do Brasileirão, para “afinar” o estádio, e deixar tudo pronto para a FIFA.

Neste post, pretendo mostrar desde o projeto até como estão sendo concluídas as obras no entorno do estádio, através de videos e informações.

O estádio está sendo construído no Bairro de Itaquera, cidade de São Paulo.

Antes um pouco da história de Itaquera:

O Bairro localiza-se na zona leste da cidade, o nome Itaquera é de origem Tupi e quer dizer “pedra dura”. A data de fundação do Bairro ainda é uma incógnita. A primeira referência de que se tem notícia é de 1686, quando o nome aparece em uma Carta de Sesmaria.
No entanto, data de 1820 a primeira referência sobre a povoação de Itaquera, onde existia um simples e precário rancho conhecido como a “Casa Pintada”. Ali os viajantes paravam para descansar e reabastecer-se de provisões.

O principal rio que banha a área de Itaquera é o Jacu. Hidrograficamente pode-se dizer que a área é bem servida por uma densa rede de rios todos afluentes e sub-afluentes do Tietê. São rios pouco expressivos, sendo os principais eixos: Jacu, Itaquera e Aricanduva. 

A Arena Corinthians

A Arena Corinthians, será a nova sede de partidas de futebol do Sport Club Corinthians Paulista.

arenacorinthians

Obra vista por dentro no dia 26/04/2014

Construído pela Odebrecht desde 2011, tinha previsão de custo inicial em R$ 820 milhões , mas seu preço final é estimado entre R$ 950 milhões e R$ 990 milhões.

Será palco da cerimônia de abertura e de seis confrontos da Copa do Mundo 2014, incluindo o jogo inaugural.

O estádio está sendo construído em um terreno de 500 mil m² na Zona Leste, ao lado da Estação Corinthians-Itaquera do Metrô e da CPTM, onde situava-se, desde a década de 80, o Centro de Treinamento para as categorias de base do Corinthians.

Veja a palestra de um dos arquitetos responsáveis pela obra, ele explica vários detalhes do empreendimento:

O empreendimento comportará, além do estádio para 48 mil torcedores, 89 camarotes, um estacionamento com 3 mil vagas, lojas, restaurantes e lanchonetes o que revitalizará a área do entorno.

A estimativa do governo federal é que mais de 82% dos torcedores cheguem ao local em transportes coletivos (metrô, ônibus e trem). O público terá duas estações de trem e metrô para chegar ao estádio, além de um terminal de ônibus. As estações ficam a menos de 800 metros do local.

Ao ser designado pelo Comitê Organizador Local como possível sede da abertura da Copa 2014, o valor da obra passou a ser estimado  como o citado acima para atender às exigências técnicas da FIFA para tal evento.

Além desse valor, R$ 35 Milhões serão pagos pela AmBev para o aluguel e montagem de arquibancadas temporárias com capacidade para 20.000 pessoas, aumentando a capacidade total da arena para 68.000 espectadores, superando o mínimo de lugares exigido pela FIFA para a abertura de uma Copa do Mundo, que é de 65.000 espectadores.

arenacorinthians3

Setor belíssimo onde ficam os banheiros e lojas

Dos R$ 820 Milhões previstos no orçamento, R$ 400 Milhões serão financiados através de um empréstimo do BNDES a ser pago pelo Corinthians em conjunto com a construtora, a Organização Odebrecht, enquanto os R$ 420 Milhões restantes serão pagos com a emissão de Certificados de Incentivo ao Desenvolvimento determinada pela Lei Nº. 15.413/2011 do Município de São Paulo, originariamente destinada para o incentivo ao desenvolvimento da Zona Leste Paulistana e aplicável a qualquer tipo de empreendimento que atenda a condição de proporcionar o desenvolvimento daquela região da cidade, Esse incentivo legal não consiste em nenhuma alocação de recursos financeiros diretamente no orçamento do governo municipal e por isso não se trata de nenhum pagamento de um empreendimento privado com uso de dinheiro público. Os “CID” são Certificados de Incentivo ao Desenvolvimento, que não passam de “títulos” negociáveis no mercado financeiro (valor de mercado), que são entregues ao beneficiário do incentivo e servem única e exclusivamente para o pagamento de tributos junto à municipalidade de São Paulo.

Para quem gosta de ver uma obra em andamento e operários trabalhando, este é um bom video:

Cronograma

No dia 4 de junho de 2013, o Conselho Deliberativo do Corinthians aprovou o Parque São Jorge como garantia financeira para a Caixa Econômica solicitar o empréstimo de R$ 400 mi ao BNDES. A mesma instituição financeira realizou o levantamento e constatou que o terreno oferecido como garantia vale em torno de R$ 1,2 bi.

Após a assinatura do contrato com a construtora, as obras do novo estádio corintiano começaram oficialmente em 30 de maio de 2011 com a terraplanagem, iniciando-se a fase de fundações no mês de julho.

Com 100 dias de trabalhos completados em 6 de setembro, a promessa era de que as obras da arena fossem concluídas em dezembro de 2013.

Em dezembro, a arena recebeu as primeiras vigas de sustentação das arquibancadas.

Com 30% de conclusão, foram iniciados as obras de assentamento de degraus da arquibancada superior leste em abril de 2012.

No início de outubro, as obras ultrapassaram a marca de 50% de conclusão.

arenacorinthians6

Primeiro evento teste com crianças

Em abril de 2013, com mais de 70% das obras concluídas, o telão gigante passou pelo primeiro teste noturno e foi aprovado.

No final de junho, a grama do estádio foi plantada e, dias depois, começou a nascer.

Em julho, com mais de 82% das obras concluídas, os vidros da fachada do prédio oeste começam a ser instalados.

Neste video podemos ver como já estão as obras do Estádio e o entorno já em fase final e uma entrevista com um morador:

Em setembro, a obra atingiu 87% de conclusão, com o início da instalação das primeiras cadeiras na arquibancada inferior leste, a elevação das primeiras estruturas da cobertura e conclusão da demarcação oficial do campo.

Em outubro, a arena chegou aos 90% de conclusão, com prédio leste pronto.

Em 27 de novembro de 2013, a um mês do prazo dado pela Fifa para o fim das obras no estádio, um guindaste que içava a última peça da cobertura do estádio desabou juntamente com a peça, ocasionando a morte de dois operários e danificando parte do telão de LED no Lado Leste da Arena. As obras foram interditadas. Porém, a restauração do local seguiu em bom ritmo e a nova peça da cobertura foi içada, mas dessa vez por dois guindastes.

Em 29 de março de 2014, um operário que trabalhava na instalação das arquibancadas provisórias do estádio despencou de uma altura de oito metros e acabou morrendo. As obras foram novamente interditadas.

Em 1 de abril de 2014, o corpo de bombeiros disse que a Arena continha 26 irregularidades.

Em 17 de abril de 2014 o projeto final de “segurança” da Arena Corinthians foi integralmente aprovado pelo Corpo de Bombeiros, estando o “Habite-se” prestes a ser expedido pela Prefeitura Municipal, liberando todo o complexo da Arena Corinthians para plena utilização.

Um tour pelo estádio neste video,  desde as cadeiras das arquibancadas até a visita aos vestiários:

 Dados técnicos da Obra:

  • Área do terreno: 198.000m²
  • Área contruída: 189.000m²
  • Fundações com estacas: 3.520m²
  • Pilares pré-moldados: 900 unidades
  • Vigas: 2.500 unidades
  • Lajes pré-moldadas: 9.700 unidades
  • Degraus pré-moldados: 4.000 unidades
  • Estacionamento coberto: 990 vagas
  • Estacionamento descoberto: 1.943 vagas
  • Camarotes: 89 unidades
  • Assentos fixos: 48.000 unidades
  • Sanitários: 502 unidades
  • Lojas de concessão: 59 unidades
  • Elevadores: 15 unidades
  • Escada rolante: 10 unidades
  • Auditório: 1 unidade
  • Restaurante tipo Sport Bar: 4 unidades
  • Cozinha industrial: 1 unidade
  • Fachada de vidro do prédio oeste: 8.900m²
  • Ar condicionado: Prédios leste e oeste
  • Cobertura metálica: 31.500m²

 Obras do Entorno

Itaquerao-masterplan

O projeto de reestruturação inclui:

  • Polo Institucional de Itaquera (com Fórum);
  • Etec (Escola Técnica Estadual);
  • Fatec (Faculdade de Tecnologia);
  • Senai (Sistema Nacional de Aprendizagem Industrial);
  • Quartel da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros;
  • Centro de Convenções;
  • Parque Ecológico;
  • Nova Rodoviária.

As obras viárias previstas para a região consistem na abertura de uma nova avenida de ligação Norte-Sul, no trecho entre as avenidas Itaquera e José Pinheiro Borges (Nova Radial), incluindo as transposições em desnível sobre as linhas do Metrô e da CPTM. Nova avenida, articulando a Ligação Norte – Sul com a avenida Miguel Inácio Curi, junto à adutora da SABESP existente, adequação viária no cruzamento da avenida Miguel Inácio Curi com a avenida Engenheiro Adervan Machado, e novas alças de ligação no cruzamento da avenida Jacu Pêssego com a avenida José Pinheiro Borges (Nova Radial). É bom afirmar que esta área onde está sendo construída, não existia nada.

A Rede Globo apresentou um programa sobre as obras no entorno da Arena:

Inauguração do Estádio

Inicialmente, a Odebrecht previa entregar a Arena Corinthians no dia 31 de dezembro de 2013. Contudo, o cronograma de entrega sofreu atrasos por conta de acidentes na obra, e a construtora entregou oficialmente o estádio em 15 de abril de 2014.

Para testar suas condições, o estádio passará por quatro eventos-testes antes de ser usado para a Copa do Mundo. Haverá um duelo das categorias de base do Corinthians, um amistoso entre operários da obra, uma partida entre atletas veteranos e profissionais do clube e, por fim, o primeiro jogo oficial, entre Corinthians e Figueirense pelo Campeonato Brasileiro.

arenacorinthians7

Evento teste com crianças

Copa do Mundo de 2014

A Arena Corinthians receberá a abertura da Copa do Mundo de 2014, além de seis jogos, sendo quatro jogos da fase inicial, um jogo das oitavas-de-final e um jogo das semifinais.

Os jogos serão:

  • Brasil x Croácia – 12 de Junho
  • Uruguai x Inglaterra – 19 de Junho
  • Holanda x Chile – 23 de Junho
  • Coréia do Sul x Bélgica – 26 de Junho
  • 1º do Grupo F x 2º do Grupo E – 1 De Julho
  • SEMI-FINAIS  – 9 de Julho

Enfim, depois de tudo isso, todos que leram e viram os videos podem dar aula sobre o novo estádio do Corinthians e da abertura da Copa 2014. Abertura que será vista por mais de 200 países, por isso é importante estar tudo pronto.

Read Full Post »

gremio_vasco-protesto

BomSensoFCA CBF está querendo confrontar o movimento, estão tentando abafar a mobilização dos jogadores e as emissoras envolvidas nas transmissões, estão tentando noticiar quanto menos possível, mas quando uma classe, um povo ou associações que lutam juntos por uma causa, nunca vão conseguir frear isso por muito tempo, porque como sempre ouvi: “A união faz a força”.
Os jogadores ontem foram muito inteligentes, Árbritos tentaram segurar aquela grande manifestação dos braços cruzados, e as emissoras evitaram o máximo mostrar o cartaz, infelizmente para eles, hoje em dia, nada passa desapercebido, tudo vai parar na internet e se alastra rapidinho, portanto, ou ouvem o que os jogadores estão dizendo, ou vai ficar muito pior, ontem foi um dia histórico, mas o melhor está por vir ainda.

bomsensofc_face690

Outra coisa que tem que mudar é o horário dos jogos, porque nós precisamos esperar terminar, essas novelinhas para assistir um jogo, até quando esta gente vai mandar no futebol? ou muda agora ou nunca mais.

O Bom Senso F.C. organizou mais um protesto contra as atuais condições oferecidas pelo futebol brasileiro. Nesta quarta, no entanto, a ação foi mais impactante. Primeiro, os atletas entraram em campo com faixas que engrossam as exigências do grupo. Depois, quando o apito inicial foi dado, eles também cruzaram os braços e ficaram parados por cerca de um minuto.

Com raras exceções, esses dois protestos aconteceram em todos jogos desta quarta-feira, desde as partidas que começaram às 19h30 (de Brasília). Em uma partida, que começou às 21h50, inclusive aconteceu um momento inusitado: após cruzarem os braços, jogadores de São Paulo e Flamengo ficaram apenas trocando chutes, sem passar do meio campo, no Estádio Novelli Jr., em Itu.

faixa2

As exceções aconteceram em dois jogos: no Rio de Janeiro e em Salvador, atletas de Botafogo, Portuguesa, Vitória e Cruzeiro até cruzaram os braços e ficaram assim durante o minuto de silêncio de cada partida, mas jogaram normalmente assim que os juízes apitaram. De acordo com a versão online do site Lance, alguns juízes foram ordenados pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) a coibir isso e até dar cartão amarelo para os jogadores – mas essa punição não aconteceu em nenhuma partida.

Além do logotipo do Bom Senso F.C., as faixas levavam frases de protestos. Uma delas, a mais utilizada, era “por um futebol melhor para todos”. Outra cobrava diretamente a entidade máxima do futebol brasileiro: “amigos da CBF: e o bom senso?”.

Logo após os primeiros protestos, o Bom Senso F.C. divulgou uma imagem do ato no Twitter e prometeu que isso se repetiria em todas partidas. Depois o grupo também passou a divulgar fotos de torcedores de braços cruzados, com mensagens de apoio ao movimento.

goias

Rogério Ceni, goleiro e capitão do São Paulo, comandou o protesto ligado ao movimento Bom Senso F.C. na partida contra o Flamengo, nessa quarta-feira. Diante da ameaça do árbitro Alício Pena Júnior de aplicar cartão amarelo a todos os atletas que cruzassem os braços após o apito inicial, eles trocaram passes sem sair do lugar durante um minuto. Para Ceni, um momento histórico.

– Nós queremos ser atendidos, o Brasil para sem o futebol. Para quê deixar chegar a esse ponto? Vocês da mídia têm que compreender isso. Pode existir uma troca, com a gente cedendo coisas importantes para a Rede Globo, que paga para transmitir os jogos, em troca de benefícios. Não é possível que vocês comprem uma briga que não é necessária – explicou ele, que quer mudanças drásticas para 2015, quando certamente terá encerrado a carreira.

– A gente quer ser compreensivo com 2014. Não precisamos de 30 dias de pré-temporada, 21 são suficientes. Não pode trocar a direção da entidade maior e ficar nas palavras. Em janeiro de 2015, os meninos que estão despontando vão sofrer. Eu não estarei lá, mas muitos estarão. Se não der para ter 30 dias de férias no fim do ano, que tenha 25. É bom senso! Pegue dez dias no meio do ano, para não prejudicar. A partir de 2015 não tem Copa, há necessidade de fazer um calendário melhor para 2015. Nós queremos mais clubes, mais atletas empregados, arbitragem profissionalizada, queremos que vocês tenham mais espaço no Brasil como um todo – completou.

O técnico Muricy Ramalho aprovou a atitude de seus comandados, mas alertou para a necessidade de a CBF tomar uma atitude diante da manifestação dos jogadores.

A casa caiu CBF.

Read Full Post »

paulinho_ tapajósPaulinho Tapajós foi um compositor de grande talento, criou várias musicas de sucesso, entre elas “Andança” e “Sapato Velho”. O carioca Paulo Tapajós Gomes Filho era filho do compositor, cantor e radialista Paulo Tapajós (1913-1990), que foi nos anos 1940 e 1950 diretor artístico da Rádio Nacional. Também eram músicos os irmãos de Paulinho, o compositor Mauricio Tapajós (1943-1995) e a cantora Dorinha Tapajós (1950-1989).

Durante a infância, Paulinho frequentava o auditório da Nacional, na Praça Mauá, convivendo com artistas como Emilinha Borba, Marlene e Radamés Gnatalli, entre outros. Foi por meio do pai que recebeu as primeiras noções de música. Na adolescência, estudou violão com Léo Soares e Arthur Verocai, que veio a ser seu primeiro parceiro, e mais tarde, aprofundou a técnica com Almir Chediak.

Entre 1968 e 1970, Paulinho Tapajós foi um dos mais premiados compositores nos festivais que mobilizavam o país na época. No 3º Festival Internacional da Canção (FIC), obteve o terceiro lugar com Andança, composta em parceria com Edmundo Souto e Danilo Caymmi e defendida pela cantora Beth Carvalho. A canção contabiliza hoje quase 300 gravações, superando outro sucesso do compositor, Cantiga por Luciana, vencedora do 4º FIC, em 1969, e hoje com mais de 100 gravações em todo o mundo.

Paulinho Tapajós era também produtor musical, escritor e arquiteto, formado em 1971 pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Compôs temas para novelas, entre eles Irmãos Coragem, em parceria com Nonato Buzar (1970). Entre 1987 e 1992, foi diretor da União Brasileira de Compositores (UBC).

Homenagem ao grande compositor no talento dessa banda incrível, Roupa Nova interpretando seu grande sucesso “Sapato Velho”:

Read Full Post »

Older Posts »

Cá Minhando

Só algumas histórias

SporeModding

Modificações, tutoriais, dicas e notícias sobre o universo Spore!

Seleção Brasileira Todos os Jogos

Todos os Jogos da Seleção Brasileira desde 1914

CORINTHIANS - Uma Nação

Histórias e notícias de um grande clube

Matt on Not-WordPress

Stuff and things.

BLOG DO RONALDO

Um espaço para reflexão sobre a vida e a sociedade

blog into mystery

Celebrating the Best and Worst in Comics

colmhogan.wordpress.com/

Music, Culture & Technology.

Cavalcade of Awesome

All Pax. All Nude. All the Time.

backtothemusic

time travelling through iTunes

%d blogueiros gostam disto: