Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘atletismo’

O Brasil continua subindo ao pódio nos Jogos Paraolímpicos de Pequim. Na manhã desta terça-feira o país conquistou mais oito medalhas, sendo quatro de ouro, e assumiu a sexta colocação no quadro de medalhas. Os destaques ficaram por conta de André Brasil, ouro nos 100m livre categoria S10; Lucas Prado, vencedor dos 100m rasos categoria T11; Daniel Dias, ouro nos 200m livre categoria S5; e Dirceu Pinto na bocha.Outros brasileiros também brilharam em Pequim nesta terça. O nadador Phelipe Rodrigues completou a dobradinha com André Brasil, conquistando a medalha de prata nos 100m livre, classe S10. Nessa prova, Andre quebrou mais um recorde mundial, com a marca de 51s38. A medalha de bronze foi para o canadense Benoit Huot.

O atleta Lucas Prado conquistou o ouro nos 100m rasos

Ainda na piscina do Cubo D‘água, Daniel Dias também estabeleceu um novo recorde mundial dos 200m livre, categoria S5, com a marca de 2m32s32 e chegou ao terceiro ouro nas Paraolimpíadas. A medalha de prata ficou com espanhol Sebastian Rodriguez. Em terceiro ficou Anthony Stephens, do Reino Unido. Outro brasileiro, Clodoaldo Silva, terminou em quinto lugar.

Terezinha Guilhermino e Ádria dos Santos ficaram com as medalhas de prata e bronze, respectivamente, nos 100m rasos, classe T11. O ouro ficou com a chinesa Wu Chunmiao, que bateu o recorde paraolímpico com a marca de 12s31. A outra brasileira a disputar a prova, Jerusa Santos, ficou com o quinto lugar geral ao vencer a final B.

Na bocha, categoria BC4, o brasileiro Dirceu Pinto venceu a final contra Leung Yuk Wing, de Hong Kong e ficou com a medalha de ouro. Eliseu Santos derrotou o espanhol Jose Maria Dueso e ficou com o bronze.

Read Full Post »

A natação deu ao Brasil sua segunda medalha de ouro na Paraolimpíada de Pequim. Depois de Daniel Dias ter vencido a prova dos 100 metros livre, na classe S5, foi a vez de André Brasil vencer os 100 metros borboleta na classe S10. O nadador brasileiro quebrou o recorde mundial da prova com o tempo de 56s47. “Nada na nossa vida é fácil. Fiquei pensando no que o meu ídolo Michael Phelps falou para o César Cielo na Olimpíada: sair na frente, virar na frente e bater na frente. Se eu fizer isso eu vou sempre estar em primeiro”, afirmou. No ciclismo, o Brasil ficou perto de uma medalha. Soelito Gohr terminou em quarto lugar a prova de perseguição do ciclismo, categoria LC1, com o tempo de 4min53s407. A atleta Suely Guimarães ficou com o 13º lugar na final da prova feminina de arremesso de peso classe F56. Ela arremessou 6m68.

O futebol de 7 brasileiro venceu por 1 a 0 Israel em sua estréia na Paraolimpíada, com gol de Marcos Silva. Já a seleção brasileira de vôlei sentado perdeu por 3 sets a 0, com parciais de 25/9, 25/11, 25/8, para o Irã. O time já havia sido derrotado pelo Egito na estréia.

O basquete brasileiro segue sem vitórias em Pequim. Derrotado na estréia pela Austrália, a equipe de basquete masculino em cadeira rodas perdeu para os Estados Unidos nessa segunda, em Pequim, por 87 a 41. O time de basquete feminino em cadeira de rodas do Brasil perdeu por 66 a 30 para Austrália. Na estréia, a equipe havia sido derrotada pela Grã-Bretanha.

Read Full Post »

Aqui neste post, sempre o quadro atualizado das medalhas e os melhores momentos do Brasil e de outros fatos importantes dos jogos.

A China nestes jogos procuravam superar os EUA nas medalhas de ouro, parecia ser uma questão de honra para eles, já que sediam os Jogos Olímpicos de 2008 e conseguiram.

Atualização do dia 25 de agosto de 2008

PAÍS

OURO

PRATA

BRONZE

TOTAL

China

51

21

28

100

EUA

36

38

36

110

Rússia

23

21

28

72

Grã-Bretanha

19

13

15

47

Alemanha

16

10

15

41

Austrália

14

15

17

46

Brasil

3

4

8

15

Melhores Momentos dos Jogos:

FUTEBOL MASCULINO

10/08/2008 – Os melhores momentos de Brasil 5 x 0 Nova Zelândia, dia 10 de Agosto 2008, Ronaldinho Gaúcho deu um verdadeiro show. Em um dia inspirado, Ronaldinho deu chapéu, deu passe de calcanhar, driblou e ainda marcou dois gols. Anderson, Alexandre Pato e Rafael Sóbis completaram o placar do jogo, com esse resultado, o Brasil se classificou para a próxima fase.

GINÁSTICA ARTÍSTICA FEMININA

10/08/2008 – Pela primeira vez na história a equipe feminina de ginástica do Brasil (Daiane dos Santos, Jade Barbosa, Daniele Hypolito, Laís Souza, Ana Cláudia Silva e Ethiene Franco) consegue vaga na final. Daiane dos Santos foi a 5ª melhor colocada no solo e vai à final no aparelho. Jade e Ana Cláudia disputarão a final individual geral de aparelhos.

JUDÔ

11/08/2008 – Leandro Guilheiro dá ippon em iraniano e conquista o bronze, mesma premiação que obteve em Atenas. No feminino, Ketleyn Quadros também leva o bronze e entra para a história como a primeira brasileira a subir no pódio em uma Olimpíada por um esporte individual.

Video amador muito bom:

JUDÔ

 12/08/2008 – Vice-campeão olímpico em Sydney-2000, o meio-médio brasileiro Tiago Camilo encerrou sua participação nos Jogos de Pequim com a medalha de bronze. Esta é a terceira medalha do judô na China e a 15ª da modalidade na história olímpica.

RECORDES DE MICHAEL PHELPS:

12/08/2008 – Michael Phelps conquistou sua quinta medalha de ouro nas Olimpíadas de Pequim. O maior nadador da história e também maior vencedor em medalhas de ouro, abriu a final do revezamento 4x200m livre pelos Estados Unidos, que venceram a prova com muita facilidade e novo recorde mundial, de 6min58s56.

Video muito bom com Michael Phelps, uma das quebras de recorde de sua carreira: 

13/08/2008 – César Cielo Filho mal acreditava que conseguiria classificação à decisão dos 100m livre das Olimpíadas de Pequim após a primeira bateria das semifinais. Mesmo obtendo índice para a última raia, no entanto, ele surpreendeu e conquistou mais uma medalha de bronze para o Brasil, no final da noite desta quarta-feira. O francês Alain Bernard ficou com o ouro.
Para ser campeão olímpico, Bernard fez o tempo de 47s21 e superou o australiano Eamon Sullivan (47s32), favorito ao título e recordista mundial e olímpico (com 47s05, alcançados em Pequim). Já a terceira colocação de César Cielo foi dividida com o veterano Jason Lezak, dos Estados Unidos. Ambos cravaram 47s67, nova melhor marca sul-americana.

Cielo batendo recorde sulamericano em 2007:

BRASIL OURO NA NATAÇÃO

O nadador César Cielo Filho conquistou a primeira medalha de ouro do Brasil nos Jogos Olímpicos de Pequim e levou o país ao lugar mais alto do pódio pela primeira vez na história da natação olímpica, ao vencer a prova dos 50 metros livre.

O brasileiro, de 21 anos, completou a prova no Cubo D’Água com o tempo de 21.30, novo recorde olímpico da prova e que ficou apenas dois centésimos acima do recorde mundial. Os franceses Amaury Leveaux (21.45) e Alain Bernard (21.49) foram os outros medalhistas.

ATLETISMO

O jamaicano Usain Bolt venceu os 100 metros rasos da Olimpíada de Pequim em grande estilo neste sábado, pulverizando seu próprio recorde mundial ao completar a prova em 9s69. Bolt deu início à comemoração antes mesmo de cruzar a linha de chegada.

O velocista arrebatou a mais cobiçada medalha olímpica com facilidade, bastante à frente de Richard Thompson, de Trindade e Tobago, que ficou com a de prata. O norte-americano Walter Dix levou o bronze.

O alto e descontraído jamaicano ergueu os braços e bateu no peito para festejar bem antes de cruzar a chegada, selando uma transição notável dos 200 metros, sua especialidade, para ser o campeão da principal atração das corridas de atletismo nas Olimpíadas.

Video com fotos do momento histórico da quebra de recorde:

VELA

As brasileiras Fernanda Oliveira e Isabel Swan garantiram mais uma medalha de bronze para o Brasil nos Jogos Olímpicos de Pequim, na classe 470 da vela.

Esta é a 15ª medalha da vela brasileira em Olimpíadas, mas a primeira conquistada em uma classe feminina. Agora, o Brasil tem seis medalhas nos Jogos de Pequim, uma de ouro e cinco de bronze.

As brasileiras venceram a última regata, a ‘regata da medalha’, e garantiram o terceiro lugar no geral, com 60 pontos perdidos.

Video com uma reportagem com as medalhistas antes das olimpíadas:

ATLETISMO – OURO PARA MAURREN HIGA MAGGI

A saltadora Maurren Higa Maggi colocou seu nome na história do atletismo brasileiro nesta sexta-feira ao conquistar a medalha de ouro no salto em distância nos Jogos Olímpicos de Pequim. Esta é a quarta medalha de ouro do atletismo brasileiro na história e a primeira feminina na modalidade.
Terceiro esporte com maior número de pódios para o Brasil (14), o atletismo só tinha medalhistas homens, incluindo os ouros de Adhemar Ferreira da Silva nos Jogos de Helsinque-52 e Melbourne-56, no salto triplo, e com Joaquim Cruz, em Los Angeles-84.

VOLEI FEMININO – BRASIL É OURO

Depois de tanto sacrifício, de tanto sofrimento, eu tenho certeza de que alguma coisa boa está reservada para a gente”. Pouco mais de um ano atrás, foi desta forma que a levantadora Fofão encerrou uma das inúmeras entrevistas na qual tentava explicar outra incrível derrota em uma decisão, no caso a perda da medalha de ouro para Cuba em casa, nos Jogos Pan-americanos. Pois neste sábado, na China, a recompensa chegou: com uma vitória sobre os Estados Unidos por 3 sets a 1, parciais de 25/15, 18/25, 25/13 e 25/21, o Brasil, da capitã Fofão, sagrou-se campeão olímpico dos Jogos de Pequim 2008.

Read Full Post »

Alguns recordes podem ser quebrados, mas outros parecem impossíveis de acontecer. Vários atletas tentarão completar as provas, outros tentarão arduamente conquistar uma medalha, e outros especias ou super atletas, tentarão bater algum recorde mundial ou Olímpico, o recorde mundial nos 100m rasos masculino foi batido este ano, é quase impossível alguém bater a marca estabelecida.

Relação de alguns recordes:

100m rasos masculino:

  • Olímpico: 9.84 segundos – Donovan Bailey (Canadá)

O jamaicano Usain Bolt, é o grande favorito para a medalha de ouro, pois quebrou o recorde mundial da prova com uma marca de 9.72 seg. neste ano.

100m rasos feminino:

  • Olímpico: 10.62 segundos – Florence Griffith Joyner (EUA)

200m rasos masculino:

  • Olímpico: 19.32 – Michael Johnson (EUA)

200m rasos feminino:

  • Olímpico: 21.34 – Florence Griffith Joyner (EUA)

400m masculino:

  • Olímpico: 43.49 – Michael Johnson (EUA)

400m feminino:

  • Olímpico: 48.25 – Marie Jose Perec (FRA)

800m masculino:

  • Olímpico: 1:42.58 – Vebjoern Rodal (NOR)

800m feminino:

  • Olímpico: 1:53.43 – Nadezda Olizarenko(URS)

1.500m masculino:

  • Olímpico: 3:32.07 – Noah Ngeny (KEN)

1.500m feminino:

  • Olímpico: 3:53.96 Paula Illie-Ivan (ROM)

5.000m masculino:

  • Olímpico: 13:05.59 – Said Aouita (MAR)

5.000m feminino:

  • Olímpico: 14:40.79 – Gabriela Szabo (ROM)

Rev. 4x100m masculino:

  • Olímpico: 37.40 – Marsh, Burrel, Mitchell, Lewis (EUA)

Rev. 4x100m feminino:

  • Olímpico: 41.60 – Muller, Wockel, Auerswald, Gohr (ALE)

Salto com vara masculino:

  • Olímpico: 5m e 92cm – Jean Galfione (FRA)

Salto com vara feminino:

  • Olímpico: 4m e 60cm – Stacy Dragila (USA)

A belissíma russa Yelena Isinbayeva detém o recorde mundial da prova com 5.04m. em 2008, ela é a grande favorita do ouro e para quebra do recorde olímpico.

Rev. 4x400m masculino:

  • Olímpico: 2:55.74 – Valmon, Watts, Johnson, Steve Lewis (EUA)

Rev. 4x400m feminino:

  • Olímpico: Ledovskaya, Nazarova, Pinigina, Bryzgina (URSS)

110m c/ barreira masculino:

  • Olímpico: 12.95 – Allen Johnson (EUA)

100m c/ barreira feminino:

  • Olímpico: 12.38 – Yordanka Donkova (BUL)

Em breve mais recordes.

Abaixo, as quebras de recorde de Usain Bolt(100m rasos) e Yelena Isinbayeva (Salto com Vara):

Read Full Post »

Em agosto, ocorrerão, na cidade chinesa de Pequim (Beijing), os XXIX Jogos Olímpicos. A abertura será no dia 08 de agosto (cerimônia às 20 horas) e deve durar 3 horas e meia. A cerimônia de encerramento ocorrerá no dia 24 do mesmo mês. O lema dos jogos será “Nova Beijing (Pequim), Grandes Olimpíadas”. Serão cinco mascotes (Beibei, Jingjing, Huanhuan, Yingying e Nini) representando, com suas cores, os cinco continentes e arcos do símbolo dos Jogos Olímpicos.

O Comitê Olímpico Brasileiro efetuou a inscrição oficial de 277 atletas que representarão o Brasil nos Jogos Olímpicos de Pequim, recorde de participação do país numa Olimpíada.

Alguns Estádios e Ginásios:

ESTÁDIO NACIONAL

O Estádio Nacional, conhecido como a “Bird’s Nest”, irá servir como o principal local dos  Jogos Olímpicos de Pequim 2008. Ele está situado no Olímpico Verde e ocupa 21,4 hectares. Ele estende 333 metros de norte a sul e 298 metros de leste a oeste, cobrindo uma área de 258.000 metros quadrados. Estádio Nacional tem 68 metros de altura e possui 91.000 lugares. Cerimónias de abertura e de encerramento dos Jogos Olímpicos de 2008, Atletismo e eventos de Futebol, serão realizadas no mesmo. A construção do Estádio Nacional começou em dezembro de 2003.

NATIONAL CENTER AQUATIC

Localizado na parte sul da área central do Green Olímpicos em Pequim,  tem uma área de construção prevista 6,95 hectares. Sendo adjacente ao eixo central da cidade, está situado em par com o Estádio Nacional.

A área total da construção está perto de 80.000 metros quadrados, contendo  17.000 lugares, incluindo os 6.000 lugares permanentes e temporários 11.000. Durante os Jogos Olímpicos de 2008, vai produzir 42 medalhas de ouro, natação, mergulho e natação sincronizada, serão as competições realizadas.

Depois das Olimpíadas, será convertido em uma instalação multi-funcional para desporto, cultura e lazer.

ESTÁDIO NACIONAL INDOOR

O recém entregue Nacional Indoor Stadium vai ser um dos principais locais de competição dos Jogos Olímpicos de Pequim 2008. O Nacional Indoor Stadium irá realizar a ginástica artística, trampolim,  Handebol e basquetebol em cadeira de rodas nos jogos Paraolímpicos.

O estádio tira o máximo partido dos recursos de energias renováveis através de uma fonte de abastecimento de água, bombas d´água e outras de calor. O projeto tem cinco bombas d´água, que serão usados durante o verão para dispersar o calor na área durante as competições.

No inverno as fontes de energia irá fornecer aquecimento durante as competições e fornecer aquecimento e água todos os dias para o estádio.

GINÁSIO DE BASQUETE OLÍMPICO PEQUIM

Ginásio de Basquete Olímpico Pequim, o palco para o basquete olímpico prévios e finais. Abrangendo uma área de 168.000 m quadrados, o ginásio tem três pisos subterrâneos e de superfície, quatro pisos, com capacidade para 18.000 espectadores. É o primeiro conjunto abrangente de exibições na China que é capaz de satisfazer as exigências da NBA. Não só são cumpridas as normas para os jogos de basquetebol, mas o ginásio também é capaz de ser utilizado para espetáculos teatrais, em tempo real de transmissões e imagens de fundo.

GINÁSIO DA UNIVERSIDADE AGRÍCOLA DA CHINA

Com um ano de antecedência dos Jogos Olímpicos de 2008, o Ginásio Universidade Agrícola da China foi inaugurado, local de competição destinada a Luta Livre. Localizado na região Leste do campus, o ginásio, é de longe, o primeiro que está localizado em uma escola campus. O complexo abrange uma área de cerca de 24.000 metros quadrados e pode ser de até 8.500 pessoas.

Também irá jogar vôlei sentado durante os Jogos Paraolímpicos de Pequim, que será realizada de 6 a 18 de Setembro de 2008.

GINÁSIO UNIVERSIDADE DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA CHINA

Compreendendo um principal e um ginásio 50 m X 25 m de tamanho, o ginásio tem uma área total de construção de 24.662 metros quadrados. O principal ginásio contém um 60 m x 40 m  e 8.012 lugares sentados, incluindo os 4.080 lugares permanentes e temporários 3.932 lugares sentados.

O local irá realizar o judô e o taekwondo  nos Jogos Olímpicos e  Rugby e basquetebol em cadeira de rodas, nas competições dos Jogos Paraolímpicos. O ginásio preenche todos os requisitos para a disputa destes desportos.

ESTÁDIO OLÍMPICO DE SHENYANG

A Shenyang Olympic Stadium Sports Center, uma das cinco sedes do futebol nos Jogos Olímpicos de 2008. Projetada para ter uma capacidade de 60.000 lugares sentados. Desde o início da construção do estádio em 1 de março de 2006, os trabalhadores foram sidos mantidos trabalhando dia e noite. As novas tecnologias têm sido aplicadas para fazer face a problemas estruturais.

Em agosto de 2006, a estrutura de aço do estádio foi erguida e em 5 de novembro de 2006, o campo de futebol foi terminado, quatro meses antes da data prevista. Em seguida, todos os bancos e as grandes telas de TV foram instalados. O estádio é a peça central de um grande complexo desportivo.

CENTRAL OLÍMPICA DE TÊNIS

A Olímpicos Verde Tennis Center em forma de uma flôr,foi meticulosamente projetado para ventilação natural, para garantir a qualidade das competições para os atletas e espectadores. O principal estádio tem a forma dodecagonal, ou seja com dos 12 lados. As paredes de cimento cinzento em torno de cada uma das 12 seções se parecem com 12 pétalas de uma flor de lótus, no Olímpico Parque Florestal.

O local abrange uma área de 16,68 hectares e tem uma área de construção 26.514 metros quadrados. O local tem uma capacidade de 17.400 lugares, incluindo 10.000 lugares sentados. Serão disputadas as Olimpíadas e Paraolímpiadas de tênis em cadeira de rodas no centro de competições.

Em breve mais alguns.

Video promocional dos jogos:

Mais informações:

Site Oficial dos Jogos Olímpicos de Pequim 2008

Página Principal do Blog

Read Full Post »

Juarez Barcellos

Educação musical

Cá Minhando

Só algumas histórias

SporeModding

Modificações, tutoriais, dicas e notícias sobre o universo Spore!

CORINTHIANS - Uma Nação

Histórias e notícias de um grande clube

BLOG DO RONALDO

Um espaço para reflexão sobre a vida e a sociedade

blog into mystery

Celebrating the Best and Worst in Comics

colmhogan.wordpress.com/

Music, Culture & Technology.

Cavalcade of Awesome

All Pax. All Nude. All the Time.

backtothemusic

time travelling through iTunes

%d blogueiros gostam disto: