Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘tv’

Este slideshow necessita de JavaScript.

Nós já vimos vários mágicos, vários ilusionistas, mas nunca como Dynamo. Como consegue numa multidão tocar o celulares de todos que estão em volta? como consegue colocar um celular em uma garrafa de vidro? como consegue andar em um rio? Como consegue atravessar um corda no seu corpo? realmente, se tem algum truque, é simplesmente perfeito.

Dynamo (nascido Steven Frayne) é um mago inglês, mais conhecido por seu documentário Dynamo:Mágica Impossivel, visto no Brasil no canal Discovery Channel.

Primeiras aparições na televisão do Dynamo foram em Richard & Judy , seguido por uma no Channel 4 Estate of Mind especial intitulada Dynamo. Ele, então, lançou um DVD4 e desde então tem aparecido em on Friday Night with Jonathan Ross, Fatherhood, e no MTV EMAs (onde ele se apresentou para o Foo Fighters , Nelly Furtado , e Joss Stone). Ele já apareceu em anúncios da Adidas e Nokia , e apareceu na passarela de Naomi Campbell Fashion ‘s for Relief. Em maio de 2009, o Dynamo levitou Little Britain o comediante Matt Lucas quatro pés acima do chão na frente de uma multidão no Emirates Stadium, em Londres.

Em 25 de dezembro de 2009, Dynamo apareceu no Soccer AM Especial de Natal e executou magica para o show dos apresentadores Max Rushden e Helen Chamberlain , bem como convidados do companheiro David Haye e Neil Ruddock . Em 19 de março de 2010, ele apareceu na BBC One em prol da Sport Relief , onde ele apareceu para transformar bilhetes de loteria em dinheiro na frente de Robbie Williams e Davina McCall . Mais tarde no show, ele realizou uma levitação na frente de James Corden e uma platéia ao vivo.

Em 25 de junho de 2011, ele foi fotografado e filmado, aparentemente, caminhando sobre a água, atravessando o rio Tamisa em pé na frente do Palácio de Westminster , para divulgar sua próxima série Dynamo: Mágica Impossivel . Esta série contou com participações de Rio Ferdinand , Ian Brown , Noel Fielding , David Haye , Tinie Tempah , Mat Horne , Travis Barker , Natalie Imbruglia , e Robert Sheehan .5 Em setembro de 2011, Dynamo apareceu no programa de televisão de esportes ESPN , onde ele executou truques com cartas .

Quando Dynamo esteve no Brasil,gravando mais um episódio de sua série que foi ao ar,no Brasil dia 9 de agosto de 2013,ele disse que os brasileiros estão entre os povos que mais acreditam em seus truques.

Videos do episódio gravado no Brasil este ano durante o carnaval:

Aí só nos resta perguntar a famosa frase: “Como ele faz isto?!!?”

Read Full Post »

Video-Game-Collages-video-games

Olha, muitas pessoas pensam muitas bobagens e ficam lamentando a vida dura, então, porque não jogar um bom videogame? Aliviaria muitos males.

Existem vários títulos e gêneros, de estratégia, de ação, de raciocínio, etc… e cada um desses jogos, mexem com nossa inteligência, com nossos reflexos e com nosso humor.

Estamos na Era dos games, a cada ano, são milhares de jogos lançados que nos deixam cada vez mais empolgados. Mas como será quando estivermos mais velhos? Será que jogaremos tanto quanto jogamos hoje?

Em nome dos nerds, digo que sim. E em nome da saúde, também. Uma pesquisa feita na Universidade do Estado da Carolina do Norte, chegou à conclusão de que idosos que jogam são mais felizes com relação aos que jogam pouco ou não jogam – notícia boa, não? Foram três os grupos de idosos analisados: um com alta, outro com baixa, e outro com nenhuma frequência de jogabilidade. Os resultados se mostraram proporcionais: o primeiro grupo teve um alto grau de bem-estar, sendo que o último se mostrou o mais depressivo dos três.

O estudo foi feito com poucas pessoas, mas não é preciso uma escala maior para se saber que os games melhoram – e muito – várias coisas de nossa vida, como a criatividade, espontaneidade, o afeto, a colaboração e aumenta a eficiência do cérebro. Mas também, não podemos ser dominados por eles, é importante também termos uma vida social e não ficarmos enclausurados no quarto o dia inteiro.

Há quem diga que os consoles fazem mal, mas essa é a visão conservadora que olha somente para o mal e não para os benefícios que eles podem trazer: auxiliam na imaginação, ajudam em tratamentos pós-derrame, podem também melhorar a sua capacidade de escolha e o seu nível de atenção, além de reduzir o stress.

Games-of-2013-Wallpaper-by-sakis25

Muitos pensam que os cachorros são os melhores amigos dos homens, mas talvez eles possam estar enganados, pois seus melhores amigos, principalmente quando estiver envelhecendo, talvez sejam os videogames!

Dois estudo, recentemente publicado na “Games for Health Journal”, mostram que os jogos podem ajudar as pessoas com mais idade a terem uma vida bem melhor, preenchendo seu tempo livre e ajudando o cérebro a se manter em forma: “Os idosos muitas vezes abandonam suas atividades ao longo da vida em troca de uma segurança e de um padrão imposto de velhice. Mas os videogames oferecerem uma fuga da rotina. Todos estes benefícios podem melhorar o bem-estar de adultos idosos”.

Além disso, alguns videogames de hoje oferecem a oportunidade de nos exercitarmos apenas jogando, o que é algo extremamente necessário para os mais idosos, fazendo com que tenham uma vida melhor e mesmo lhe dando mais ânimo para se cuidarem.

Então vá treinado e quando ficar mais velho compre um belo videogame para ser seu melhor companheiro na velhice! Curta essa post e espalhe-a para seus amigos!

Read Full Post »

No país do futebol, poucas pessoas prestam atenção em outras modalidades esportivas, mas quando chega as Olimpíadas, todos querem que o nosso país seja o vencedor, porém, muitos não sabem nem como se chamam as roupas ou os equipamentos que os atletas usam para praticar algum  esporte, muito menos as regras.

Então para podermos torcer um pouco melhor, uma série de posts de alguns dos esportes mais conhecidos e que os brasileiros tem grandes chances de trazer  medalhas para nosso país, começando com o Judô.

Judô, caminho suave, ou caminho da suavidade é um desporto praticado como arte marcial, fundado por Jigoro Kano em 1882. Os seus principais objetivos são fortalecer o físico, a mente e o espírito de forma integrada, além de desenvolver técnicas de defesa pessoal.

O judô teve uma grande aceitação em todo o mundo, pois Kano conseguiu reunir a essência dos principais estilos e escolas de jujutsu, arte marcial praticada pelos “bushi”, ou cavaleiros durante o período Kamakura (1185-1333), a outras artes de luta praticadas no Oriente e fundi-las numa única e básica. O judô foi considerado desporto oficial no Japão nos finais do século XIX e a polícia nipônica introduziu-o nos seus treinos. O primeiro clube judoca na Europa foi o londrino Budokway (1918).

A vestimenta utilizada nessa modalidade é o keikogi (kimono), que no judô recebe o nome de judogui e que, com o cinturão, forma o equipamento necessário à sua prática. O judogui que é composto pelo casaco (Wagui), pela calça (Shitabaki) e também pela faixa (obi), o judogui pode ser branco ou azul, ainda que o azul seja quase apenas utilizado para facilitar as arbitragens em campeonatos oficiais.

Com milhares de praticantes e federações espalhados pelo mundo, o judô se tornou um dos esportes mais praticados, representando um nicho de mercado fiel e bem definido. Não restringindo seus adeptos a homens com vigor físico e estendendo seus ensinamentos para mulheres, crianças e idosos, o judô teve um aumento significativo no número de praticantes.

Sua técnica utiliza basicamente a força e equilíbrio do oponente contra ele. Palavras ditas por mestre Kano para definir a luta: “arte em que se usa ao máximo a força física e espiritual”. A vitória, ainda segundo seu mestre fundador, representa um fortalecimento espiritual.

Jigoro Kano tentava dar maior expressão à lenda de origem do estilo Yoshin-Ryu (Escola do Coração de Salgueiro), que se baseava no princípio de “ceder para vencer”, utilizando a não resistência para controlar, desequilibrar e vencer o adversário com o mínimo de esforço. Em um combate, o praticante tinha como o único objetivo a vitória. No entender de Kano, isso era totalmente errado. Uma atividade física deveria servir, em primeiro lugar, para a educação global dos praticantes. Os cultores profissionais do jujutsu não aceitavam tal concepção. Para eles, o verdadeiro espírito do jujutsu era o shin-ken-shobu (vencer ou morrer, lutar até a morte).

Por suas idéias, Jigoro Kano era desafiado e desacatado insistentemente pelos educadores da época, mas não mediu esforços para idealizar o novo jujutsu, diferente, mais completo, mais eficaz, muito mais objetivo e racional, denominado de judô. Chamando o seu novo sistema de judô, ele pretendeu elevar o termo “jutsu” (arte ou prática) para “do”, ou seja, para caminho ou via, dando a entender que não se tratava apenas de mudança de nomes, mas que o seu novo sistema repousava sobre uma fundamentação filosófica.

Em fevereiro de 1882, no templo de Eishoji de Kita Inaritcho, bairro de Shimoya em Tóquio, Jigoro Kano inaugura sua primeira escola de Judô, denominada Kodokan (Instituto do Caminho da Fraternidade), já que “Ko” significa fraternidade, irmandade; “Do” significa caminho, via; e “Kan”, instituto.

Os Três Princípios do Judô

Os princípios que inspiraram Jigoro Kano quando da idealização do judô foram os três seguintes:

  • Princípio da máxima eficiência com o mínimo de esforço (seiryoku zen’yo)
  • Princípio da prosperidade e benefícios mútuos (jita kyoei)
  • Princípio da suavidade, ou seja, o melhor uso de energia (ju)

Graduações

Os judocas são classificados em duas graduações: kiu e dan.

As promoções no judô baseiam-se em exames que incidem sobre requisitos tais como: duração de tempo de treino, idade, caráter moral, execução das técnicas especificadas nos regulamentos e comportamento em competições. No caso de promoção de kiu(classificação), faixa branca a marrom é outorgada pela associação, no caso de promoção as graduações de dan, até 5º dan são realizadas pela banca examinadora da Liga ou Federação Estadual, as outras graduações superiores pela Confederação Nacional.

Os graus no Judô dividem os alunos nos grupos: Dangai (da faixa branca à marrom) Yudan (do 1º ao 5º Dan) [6]Kodanshas (faixa “coral” e faixa vermelha). O mais alto grau concedido é a extremamente rara faixa vermelha Judan (10º Dan) que até o ano de 2009 fora concedida apenas a 15 homens, sendo que até a referida data 3 estão vivos (Toshigo Daigo, Ishiro Abe, Yoshimi Osawa) os três promovidos dia 08/01/2006 pelo Kodakan.

Graduação Kyu

Há oito graus Kyu, os quais se distinguem pelas cores das faixas:

OBSERVAÇÕES

(*) Apenas para pessoas com menos de 18 anos de idade.

(+) Todo judoca inicia no judô nesta faixa.

(**) Segunda faixa para os judocas com mais de 18 anos de idade.

(++) Quarta faixa para os judocas com menos de 18 anos de idade.

(*+) Última (sétima ou nona) faixa para o judoca.

Graduações Dan

As graduações de dan avançam de modo crescente, ao contrario das graduações kyu, indo do 1º dan (shoudan) ao 10º dan (juudan). Esses graus se diferenciam pelas seguintes cores das faixas:

Pontuação

O objetivo é conseguir ganhar a luta valendo-se dos seguintes pontos:

  • Yuko – Um terço de um ponto. Um yuko se realiza quando o oponente cai de lado, ou quando é imobilizado por 15 segundos;
  • Wazari – Meio ponto. Dois wazari valem um ippon e termina o combate logo após o segundo wazari. Um wazari é um ippon que não foi realizado com perfeição. Também ganha wazari se conseguir imobilizar o oponente por 20 a 24 segundos;
  • Ippon – Ponto completo. O nocaute do judô, finaliza o combate no momento deste golpe. Um ippon realiza-se quando o oponente cai com as costas no chão, ao término de um movimento perfeito, quando é finalizado por um estrangulamento ou chave de articulação, ou quando é imobilizado por 25 segundos.

Penalizações

  • Shido é a penalização mais fraca do judô. É uma advertência que não gera pontos ao adversário.
  • Chui é atribuído quando se comete uma infração um pouco mais grave, ou quando é atribuído um segundo shido. Ao atribuir-se o chui a um combatente, atribuí-se um yuko ao outro.
  • Keikoku é atribuído quando se comete uma infração grave, ou quando é atribuído um shido quando já se tem chui, mas que não chega para terminar o combate. Ao atribuir-se um keikoku a um combatente, atribui-se um wazari ao outro.
  • Hansoku-make é atribuído quando se comete uma infração muito grave, de forma que esse combatente que sofre castigo é expulso e o outro vence por atribuição de ippon. Também é atribuído hansoku-make quando se aplica um shido e acumula a um keikoku.

Devido as alterações de regras da FIJ, nos dias atuais só é aplicado o shido, sendo o primeiro shido aplicado como uma advertência dada ao atleta por algum motivo como falta de combatividade, por exemplo, sem contar pontos ao adversário. Devido à extinção do koka, no momento em que o segundo shido (equivalente ao chui) é aplicado, o outro atleta recebe um yuko, no terceiro, um wazari e, no quarto shido, após uma reunião dos três árbitros do combate, é aplicado ou não o hansoku-make.

Formas de saudação

A prática do judô é regida por cortesia, respeito e amabilidade. A saudação é o expoente máximo dessas virtudes sociais. Através dela expressamos um respeito profundo aos nossos companheiros. No judô, há duas formas de expressarmos: tati-rei ou ritsu-rei (quando em pé) e za-rei (quando de joelhos). Esta última é conhecida por saudação de cerimônia. Efetua-se as seguintes saudações:

Tachi-rei ou Ritsu-rei

Ao entrar no dojô bem como ao sair; Quando subir no tatami para cumprimentar o professor ou seu ajudante; Ao iniciar um treino com um companheiro, assim como ao terminá-lo.

Za-rei

Ao iniciar, bem como ao terminar o treinamento; Em casos especiais, por exemplo, antes e depois dos KATA; Ao iniciar um treino no solo com o companheiro, bem como ao terminá-lo.

Técnicas do Judô

O judô não é simplesmete a arte de lutar, pois carrega também consigo uma filosofia de vida (como a palavra judô, que significa “caminho da suavidade” sugere). o judô, assim como quaisquer outras artes marciais, não existem para serem usadas para a violência, mas sim para o auto-aprimoramento tanto físico quanto intelectual.

O judô apresenta muitas técnicas, agrupadas em  nague-waza (técnicas de arremesso), composta por dois subgrupos: o primeiro, tachi-waza (técnicas de projeção em pé), envolve técnicas de ashi-waza (técnicas de perna), te-waza (técnicas de braço) e koshi-waza (técnicas de quadril), enquanto o segundo subgrupo é composto por sutemi-waza (técnicas de sacrifício), dividido em yoko-sutemi-waza (técnicas de sacrifício laterais) e ma-sutemi-waza (técnicas de sacrifício frontais), e;  katame-waza (técnicas de controle; normalmente utilizadas no combate no solo) – ossae-waza (técnicas de imobilização), shime-waza (técnicas de estrangulamento) e kansetsu-waza (técnicas de chave articular). Essas técnicas são pontuadas de acordo com a projeção resultante, o tempo de imobilização ou submissão do adversário. A punição do oponente é outro meio de se obter pontuação (MIARKA, 2011). Na aplicação de waza (técnicas), tori é quem aplica a técnica e uke é aquele em que a técnica é aplicada.

Cinco Fundamentos

  • Shinsei (postura)

Existem dois tipos de postura no judô Shisentai, que é a postura natural do corpo e Jigotai, que é a postura defensiva

  • Shintai (movimentação)

Ayumi-ashi, andando normalmente.

Suri-ashi, andando arrastando os pés.

Tsugi-ashi (apenas em katas), que anda-se colocando um pé a frente e arrastando o outro, sem ultrapassar o primeiro.

  • Tai-sabaki (deslocamento de corpo / tai = corpo; sabaki = deslocamento)

Pode ser: Mae-sabaki (para frente), Ushiro-sabaki (para trás) ou Yoko-sabaki (para os lados)

  • Kumi-Kata (pegadas, formas de pegar)

Existem inúmeros tipos de pegadas, sendo apenas proibida a pegada por dentro da manga e por dentro da barra da calça.

A pegada pode ser feita no eri (gola), sode(manga) e, desde que haja o desequilíbrio do adversário ou o adversário esteja fazendo a pegada cruzada (manga e gola do mesmo lado), no chitabaki(calça). Pode ser de direita (migui) ou de esquerda (hidari). Variando entre canhotos e destros, embora para algumas projeções se use a pegada de lado contrário ao qual se vai atacar.

  •  Ukemi (amortecimento de quedas)

Os “rolamentos” são fundamentais para a segurança do praticante, a física explica: estas técnicas “dissipam” a energia cinética que, se fosse transferida na sua totalidade para os órgãos internos, poderia causar prejuízo à saúde.

Os ukemis são : Ukemi Zenpo kaiten -> Zenpo ( rolamento) kaiten ( rotação) , logo ukemi que você rola e gira. Ushiro ukemi -> Ushiro ( para trás) , logo ukemi para trás. Mae ukemi -> Mae ( para frente) , logo ukemi para frente. Yoko ukemi -> Yoko ( para o lado) , logo ukemi para o lado.

Brasileiros medalhistas em  Olimpíadas:

Munique 1972

Chiaki Ishii – Bronze (Meio-Pesado)

Los Angeles 1984

Douglas Vieira – Prata (Meio-Pesado)

Luís Onmura – Bronze (Leve)

Walter Carmona – Bronze (Médio)

Seul 1988

Aurélio Miguel – Ouro (Meio-Pesado)

Barcelona 1992

Rogério Sampaio – Ouro (Meio-Leve)

Atlanta 1996

Henrique Guimarães – Bronze (Meio-Leve)

Aurélio Miguel – Bronze (Meio-Pesado)

Sydney 2000

Tiago Camilo – Prata (Leve)

Carlos Honorato – Prata (Médio)

Atenas 2004

Leandro Guilheiro – Bronze (Leve)

Flávio Canto – Bronze (Meio-Médio)

Pequim 2008

Leandro Guilheiro – Bronze (Leve)

Ketleyn Quadros – Bronze (Leve)

Tiago Camilo – Bronze (Meio-médio)

Enfim,  o Judô é um esporte belíssimo, que quando conseguimos entender as regras e a filosofia, é muito mais fácil de acompanhar.

Read Full Post »

Agora definitivamente a palhaçada do Big Brother se superou, a versão 12 do programa bateu todos os recordes do que é ser um programa  de baixissíma qualidade. Agora todos sabem o que realmete se passa naquele programa e o que é mais grave, como  os diretores do programa manipulam  o que acontece lá dentro.

O tal “estupro” que uns internautas, que ao meu ver, nunca transaram ou então não sabem o que é um estupro de verdade, espalharam a notícia que o “retardado” quero o dizer o integrante do BBB12, Daniel, havia abusado da pobre santinha e donzela Monique.

Cara, se aquilo foi estupro… então está cheio de mulher sendo estuprada por aí.

Em depoimento ela disse que andou alisando o rapaz em baixo das cobertas e que  ficou com tesão, palavra na qual fora dita por ela.

Então se criou a polêmica, houve estupro ou não? Houve combinação da Globo com os participantes ou não?

Porque o Daniel, esta sendo mantido em um hotel, se ele já não tem mais ligação com o programa?

Neste caso o Datena esta totalmente certo:

Para falar a verdade esse rapaz, se não entrar com um processo contra a Globo, ou é muito mané(só de pensar em entrar no BBB, já é um mané, pra falar a verdade) ou então a “Nave-Mãe” vai dar um cala-boca bem gordo para o suposto estuprador de mulheres bêbadas e indefesas.

A moça não sabe se estava de calcinha, se dormiu de shortinho ou não.

Sinceramente, as pessoas que tem filhos e deixa-os a assistir a esta baixaria, no futuro não vão poder lamentar se sua filha aparecer  grávida aos 15 anos , e para quem tem filho homem, não vai poder reclamar que o teu filho anda bebendo já tão cedo, e isso são só exemplos do que poderá acontecer com um adolescente tendo exemplos destes em casa no horário nobre.

E o Pedro Bial, já  foi considerado um grande jornalista, mas depois que começou a apresentar esta porcaria de programa, pelo menos comigo, caiu muito o conceito. Um jornalista sério, não participaria de uma programa tão sem sentido como este.

Bem, não vou escrever sobre a Record, senão vou escrever o resto dia, mas a Record está criticando a Globo pelo o que aconteceu no BBB12, mas e a tal “Fazenda”?

Voltando ao sexo na casa, em 2010, houve uma cena em que umas das participantes fez sexo oral em um “coleguinha”, então não é de hoje que a putaria anda solta por lá. Agora fica a critério de quem gosta de assistir, não vou ser hipócrita  de escrever que nunca vi filmes eróticos e que não gosto de ver este tipo de video, mas em horário nobre, para quem tem criança e adolescentes em casa, é um verdadeiro desastre.

Para concluir fica a pergunta: quem vai “peitar” a Globo? eis a questão….

Read Full Post »

Mais de 120 atrações musicais em 7 dias de muita música, sendo  que em cada dia, são esperados mais de 100 mil pessoas na Cidade do Rock.

O Rock in Rio  é considerado o maior festival de música da atualidade com vários artistas que sinceramente gostaria muito de ver,  Stevie Wonder, Shakira, Rihanna, Paralamas, Titãs, Elton John, Red Hot Chili Peppers, Metallica, Ivete Sangalo, Skank, enfim, vários artistas consagrados.

Estrutura fenomenal que ocupará uma área com mais de 150 mil m².  São 4 palcos, entre eles o Palco Mundo e o Palco Sunset onde se apresentarão as principais atrações do festival.

A Tirolesa,  uma Roda Gigante e lojas temáticas também vão ser algumas entre as várias atrações na Cidade do Rock.

PROGRAMAÇÃO DOS SHOWS

No Palco Mundo se apresentarão os artistas consagrados internacionalmente como Elton John, Stevie Wonder, Evanescence, Rihanna, Katy Perry, Shakira, etc..

No Palco Sunset artistas brasileiros convidam outros artistas nacionais e internacionais e juntos criam Jam sessions, buscando ao pôr do sol encontros inéditos e inesquecíveis.

Na Tenda Eletrônica O som de DJ´s nacionais e internacionais entre os melhores do mundo na tenda mais agitada do festival.

Rock Street será uma uma rua cenográfica, inspirada em Nova Orleans (EUA), onde bandas de street jazz se apresentam em meio a bares e restaurantes.

Programação completa:

Fonte:  site Rock in Rio 2011

SHOWS NA TV

A Multishow irá transmitir a maioria dos shows ao vivo na TV paga e na TV aberta a Rede Globo.

Um pouco da história do Rock in Rio:

A ideia vem do empresário brasileiro Roberto Medina, que realizou no mês de janeiro de 1985 sua primeira edição, em plena transição da ditadura para a democracia: o Rock in Rio convidou o Brasil a comemorar a liberdade.

Em suas nove edições, sendo três no Brasil (1985, 1991 e 2001), quatro em Portugal (2004, 2006, 2008 e 2010) e duas na Espanha (2008 e 2010), o Rock in Rio reuniu mais de 5 milhões de pessoas, que aplaudiram ao vivo 656 bandas. Foram mais de 780 horas de música com transmissão para mais de 1 bilhão de telespectadores em 80 países.

O 1º Festival

O primeiro Rock in Rio aconteceu em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, em uma área de 250mil metros quadrados especialmente construída para receber o evento. Era o começo da democracia no Brasil, que foi celebrada com um grito de união e liberdade ao se abrir pela primeira vez as portas do país (e da América do Sul) às grandes atrações internacionais.

Quem participou dessa grande festa não consegue esquecer a emoção de ver e ouvir “Love of My Life”, na voz de Fred Mercury. Confira alguns desses momentos mágicos navegando pelos vídeos e fotos!

Artistas Internacionais:

AC-DC, All Jarreau, B’52, George Benson, Go Go’s, Iron Maiden, James Taylor, Nina Hagen, Ozzy Osbourne, Queen, Rod Stewart, Scorpions, White Snake e Yes.

Artistas Brasileiros:

Alceu Valença, Barão Vermelho, Blitz, Eduardo Dusek, Elba Ramalho, Erasmo Carlos, Gilberto Gil, Ivan Lins, Kid Abelha, Lulu Santos, Moraes Moreira, Ney Matogrosso, Paralamas do Sucesso, Pepeu Gomes e Rita Lee.

Mais no site oficial do Rock in Rio 2011

Read Full Post »

Quando vi o primeiro mineiro chegando a superfície,  a primeira impressão  que eram personagens de algum filme de ficção científica ou então lembravam astronautas no espaço, pelo isolamento que foram obrigados a ficar por 69 dias,  algo que já faz parte da história da humanidade, algo nunca visto.

Uma coisa enfim marcante e feliz na TV, porque ultimamente quem dá Ibope são: jogador de futebol maluco, pai jogando filha da janela, etc e tal… Parece que  realmente o que dá notícia são as coisas ruins.

Este fato talvez mude alguma coisa no mundo, quem sabe, quem sou eu pra  escrever, mas hoje fiquei pensando em brigas com pessoas que um dia amamos. Brigas bobas, orgulho, ciúmes infantis, coisas que levam a discórdia entre as pessoas. Quando vi aquelas mulheres abraçando seus maridos tão intensamente, depois de tanto tempo longe, percebi como nós devemos valorizar e prestarmos mais atenção a nossa família, amigos, namoradas, esposas ou filhos. Se não tiver uma esposa, namorada, porque não ter? Nunca é tarde, é importante ter alguém que nos espere chegar.

Há muitas lições que podemos tirar deste episódio, os exemplos estão aí na nossa cara, a todo tempo dizendo o que devemos fazer, mas um caso de repercussão como esse, pode ajudar e muito.

Talvez este episódio grandioso que aconteceu no Chile, em um deserto distante da civilização, tenha revelado a nós que ainda podemos ser um pouco mais humanos, ter mais esperança na vida, procurar um amor de verdade, ajudar os necessitados e principalmente aprender a driblar as adversidades.

Todos temos necessidades de aprender um pouco mais, muitas pessoas entram em depressão por  problemas tão pequenos, mas que se transformam num buraco mais profundo do que desta mina do Chile.

Tem uma passagem na Bíblia que diz: “Os humilhados serão exaltados”.

O trabalho em minas é uma das categorias mais sacrificantes que existem, muito trabalham nas piores condições possíves, muitos até são escravos de seus patrões, ou alguém pensa que não existe escravidão ainda? A partir de hoje, 33 desses trabalhadores serão recebidos como heróis por presidentes de Estado, não é coincidência não, pode acreditar, os mesmos dirigentes que deveriam cuidar para que acidentes como esse não ocorressem tanto no mundo, estão os recebendo com tapete vermelho.

Mas apesar de tudo, foi bom demais ver como as pessoas com calma e organização podem realizar qualquer trabalho, nem que seja socorrer pessoas a 700 metros de profundidade na terra.

Primeiros mineradores a sairem da mina:

Read Full Post »

A vuvuzela está fazendo a alegria do povo de lá e daqui, pelo meu trabalho visito várias lojas, tá todo mundo vendendo pra caramba a corneta, já estão em falta, febre é assim mesmo, e essa veio em altissíma temperatura. Confiram a notícia:

O som das vuvuzelas, um tipo de corneta, dão o tom da festa nos estádios durante a Copa da Mundo na África do Sul. Mas muita gente reclama do barulho que ela faz e  uma fundação europeia divulgou que ela é mais barulhenta que uma motosserra. Para tirar a limpo, o G1 pediu a um engenheiro que fizesse a comparação com sons típicos de uma cidade grande. E o resultado: a vuvuzela faz mais barulho que o trânsito da Marginal Tietê e até de um helicóptero em São Paulo.

Nas medições feitas a pedido do G1 pelo engenheiro Hamilton Tambelini, da empresa Ruído Menor, o som de uma única vuvuzela atingiu 114 decibéis. O som de três tocadas ao mesmo tempo foi a 117 decibéis. Um helicóptero decolando no Campo de Marte, na zona Norte de São Paulo, chegou a pico de 98 decibéis. “A cada três decibéis temos o dobro do valor inicial em escala linear”, segundo Tambelini. Isso significa o nível de 117 decibéis é o dobro de 114.

A vuvuzela usada para teste estava à venda em uma loja na Rua 25 de Março e tinha o selo do Inmetro. Segundo os lojistas, pode faltar vuvuzela durante a Copa. Em cinco lojas visitadas pelo G1, a corneta só foi encontrada em uma.

Em todas as comparações feitas pelo engenheiro Tambelini, a vuvuzela, tocada ao ar livre, mostrou-se mais incômoda que os sons que fazem parte da rotina do paulistano. “A vuvuzela, se tocada muito próxima ao ouvido, pode provocar lesões auditivas permanentes. Por isso é importante o uso de protetor auricular durante a torcida dos jogos, mesmo em casa, fora dos estádios”, disse Tambelini.

RANKING DO BARULHO

FONTE DE SOM MEDIÇÃO DE RUÍDO

UMA VUVUZELA 114 DECIBÉIS

TRÊS VUVUZELAS 117 DECIBÉIS

HELICÓPTERO – MOTOR A PISTÃO (DECOLAGEM) 98,3 DECIBÉIS (PICO)

HELICÓPTERO – BIMOTOR TURBINADO (POUSO) 95,9 DECIBÉIS

CAMINHÃO NA MARGINAL TIETÊ 92,9 DECIBÉIS (PICO)

FLUXO NORMAL NA MARGINAL TIETÊ 80 DECIBÉIS (MÉDIA)

FLUXO NORMAL NO TÚNEL DO ANHANGABAÚ 91 DECIBÉIS

MOTOCICLETA NO TÚNEL ANHANGABAÚ 92,3 DECIBÉIS

ÔNIBUS NO TÚNEL ANHANGABAÚ 91,3 DECIBÉIS

Fonte: Ruído Menor

“Na comparação entre a Marginal Tietê, os helicópteros no Campo de Marte e as cornetas, a vuvuzela é muito mais forte. Se juntássemos todos, não chegaria ao som da vuvuzela. Isso acontece porque a vuvuzela é estridente, com som mais agudo. O ouvido humano é mais sensível a sons agudos. Como o torcedor vai estar mais perto das cornetas, a intensidade sonora é maior”, afirmou o engenheiro.

Uma fundação mantida pela Phonak, fabricante suíça de próteses auditivas, divulgou que a vuvuzela incomoda mais que uma motoserra. Uma série de testes, em estúdio, demonstrou que as trombetas podem alcançar 127 decibéis. Ganham de tambores (122 decibéis) e de apitos (121,8 decibéis), por exemplo.

Risco nos estádios

Segundo a Norma Regulamentadora 15, do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), o limite de tolerância para ruído contínuo é de apenas oito minutos em casos de sons como o da vuvuzela, que chegou a 114 decibéis. “Se pensar que uma partida de futebol tem 90 minutos, fora a festa nos minutos que antecedem a partida, imagine o risco de lesão auditiva que o torcedor estará exposto”, disse Tambelini.

A mesma norma ainda indica que não é permitida a exposição a níveis de ruído acima de 115 decibéis para pessoas sem proteção nos ouvidos. “Isso significa que alguma lesão o torcedor poderá sofrer durante os jogos na África do Sul. É prudente que o torcedor leve qualquer tipo de proteção. A lesão auditiva, por menor que seja, pode ser permanente”, afirmou o engenheiro.

Barulho para dormir

Apesar de trabalhar na área de aviação há 36 anos, João Júnior, gerente comercial da Tucson Aviação, disse que o som de algumas aeronaves ainda o perturbam. “O som do helicóptero, por exemplo, eu já estou acostumado. Há frequências que me incomodam mais e só depende do helicóptero. Mas o que me atinge mais é o barulho provocado pelas vuvuzelas. Em estádio de futebol, já tive problemas com elas. Incomoda mesmo.”

A convivência com sons em altos decibéis fez com que Júnior tivesse uma característica auditiva peculiar. “O silêncio me incomoda para dormir. Preciso de um pouco de barulho para conseguir pegar no sono. Eu tenho um zumbido permanente no ouvido. O silêncio faz com que esse zumbido apareça mais claro quando vou dormir, o que acaba me incomodando um pouco.”

Júnior disse que faz exames de audiometria todo ano e nunca houve registro de perda auditiva.

Vuvuzela: irritação e alegria

Os comerciantes da Rua 25 de Março não têm do que reclamar nos últimos dias que antecedem a abertura do mundial de futebol. “A vuvuzela é boa para o comércio. Por causa da Copa, o pessoal já vem no ritmo para comprar. Quando vem um grupo de clientes, todos querem tocar, fazer barulho e levar uma corneta para casa. Comemorar um gol do Brasil sem fazer barulho não tem graça”, disse Fátima Paula, 33 anos, gerente da loja Monita.

Apesar de elogiar o efeito sonoro da vuvuzela nas vendas, ela não quer saber de muito barulho depois do expediente. “Não posso reclamar, a vuvuzela está vendendo bastante. Vamos fazer uma exceção durante a Copa e depois vamos trabalhar e ficar sem barulho”, brincou a gerente.

Mesmo deixando escapar que a vuvuzela provoca um pouco de incômodo, Fátima disse que só uma coisa é pior que a corneta africana: a buzina. “É uma coisa sem controle. Quando a pessoa toca uma buzina, está irritada e tensa. Isso incomoda mais do que uma vuvuzela, que é alegre.”

O clima de festa durante a Copa do Mundo da África do Sul pode amenizar a intolerância das pessoas pelo barulho provocado pelas cornetas. “A vuvuzela vai incomodar mais do que o trânsito de São Paulo, principalmente para quem não gosta de futebol. Eu, particularmente, acompanho futebol e não vou gostar desse barulho o tempo todo”, afirmou Tambelini.

Fonte G1

Read Full Post »

Esta notíca está assustando muitas moças famosas por aí, e é claro, quem contratou os serviços delas também.

PF investiga prostituição de modelos e dançarinas de TV.

A Polícia Federal desmontou um esquema de prostituição que envolve modelos e dançarinas de TV que ganham cachês de até R$ 20 mil por programa.

Diálogos interceptados pela PF mostram a rede de prostituição de luxo, descoberta em uma operação de 2009, durante a operação Harém. A operação chegou a ser divulgada pela PF no ano passado, mas agora a Folha teve acesso às escutas que mostram detalhes do filão mais lucrativo da quadrilha: o das “famosas” da TV e de revistas. E também de seus principais clientes: políticos, empresários e jogadores de futebol.

Em uma ligação, uma famosa assistente de palco de TV relata a uma agenciadora detalhes do programa que lhe rendeu R$ 10 mil.

Em outra ligação, um agenciador diz que um governador está interessado em uma dançarina de um programa de TV. Outra aliciadora diz que não seria possível, pois ela estava ‘namorando um playboyzinho’.

Das 12 mulheres indicadas como testemunhas de acusação pelo Ministério Público, três aparecem nas telas da TV e duas já foram capa de revistas masculinas.

Operação Harém

De acordo com a PF, o esquema era liderado por Yzamak Amaro da Silva, conhecido como ‘Mazinho’, e Luiz Carlos Oliveira Machado, o ‘Luiz da Paulista’. Ao todo, 11 pessoas foram denunciadas à Justiça por quatro crimes ligados à exploração da prostituição, além de formação de quadrilha.

Segundo investigações da polícia, as mulheres mais conhecidas exigem programas em hotéis de luxo e determinam a posição da relação sexual, por exemplo, para se prostituírem. Um resort na República Dominicana envolvido no esquema criou um manual de conduta para as brasileiras que frequentam o hotel.

Aí fica a curiosidade, quem são as famosas dançarinas? Se descobrirem elas estão ferradas, para ser bem sincero gostaria de saber quem são, rs.

Matéria muito boa sobre prostituição com o Repórter Roberto Cabrini no SBT:

Read Full Post »

Já pensou o que as pessoas estão fazendo neste exato momento, segundo a revista “Mundo Estranho”, essas situações são algumas delas:

1 milhão de pessoas estão transando.

514 pessoas estão tendo orgasmo(se 1 milhão de pessoas estão transando, são 1 milhão de orgasmos certo??? Errado. Segundo uma pesquisa de Alfred Kinsey, 75% dos homens e apenas 29% das mulheres chegam ao clímax a cada transa.

9,5 Milhões de pessoas estão fazendo o número 1.

14,3 Milhões de pessoas estão fazendo o número 2.

10,8 Milhões de pessoas estão dando descarga.(Apenas 2,6 bilhões têm saneamento básico no mundo. Por isso, nem todo mundo que está no trono está dando descarga.

38,3 Milhões de pessoas estão dormindo.

111 pessoas estão morrendo.

266 pessoas estão nascendo.

1,4 Milhões de pessoas estão assistindo a vídeos no Youtube.

245 Mil pessoas estão postando mensagens no Twitter.

210,8 Mil usuários estão fuçando no Orkut(Os 22 milhões de usuários visitam a página de relacionamentos 23 vezes por mês e passam 18 minutos , em média online. Fazendo as contas , 210.833 usuários estão fuçando no scrapbook alheio neste momento.

3,5 Milhões de pessoas estão escovando os dentes.

149,5 Milhões de pessoas estão fazendo faxina ou preparando refeições.

187,9 Milhões de pessoas estão na escola.De acordo com a organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico(OCDE), os alunos gastam, em média, 892 horas no colégio por ano. Descobrimos que há cerca de 1,82 bilhão de alunos de até 15 anos de idade na escola.Multiplicando ali, dividindo aqui, chegamos à conclusão de que 187,9 milhões de pessoas estão na escola agora.

23,3 Milhões de pessoas estão vendo TV.

523 Mil pessoas estão bebendo cerveja.

781 Milhões de pessoas estão no trânsito.

Read Full Post »

brasilarte

A cultura no Brasil é feita por muitos rostos e cores, e que muitas vezes a TV brasileira não retrata isso, você não vê o povo brasileiro totalmente representado nas novelas, seriados, etc…, mas o nosso país não é só feito da mídia imposta.

A cultura brasileira está naquele senhor nordestino que toca o pífano, lá onde quase ninguém conhece, lá no sertão nordestino,  onde quase nenhum grande jornal vai; está no Frevo, música tradicional do nosso Brasil; está no sul do país, como exemplo, Renato Borguetti com seu acordeon; está na sanfona de Luiz Gonzaga; está naquele senhor que fez de sua casa uma obra de arte  em Minas Gerais.

Está em vários locais, que nem sabemos que existem, o Brasil é um mar imenso de criatividade, mas gostaria que isso fosse mais explorado, parece o que importa na mídia não é a cultura do teu povo, não é a sabedoria popular.

Esta questão é antiga, mas é deprimente vermos tanto talento brasileiro deixado de lado. Infelizmente o que é valorizado no nosso país é a cultura fast-food, é tão rápida quanto a velocidade da internet hoje em dia. Acho que muitos não sabem nem quem foi Machado de Assis, confesso que não sou profundo conhecedor deste gênio da literatura brasileira, mas respeito o que ele foi.

A cultura brasileira é muito ampla, o Brasil é tão grande que se saíssemos por aí, iríamos ver muita coisa, pena não podermos ver tudo isso de perto, com certeza é muito bom conviver com pessoas diferentes, com culturas diferentes, mas muitos  acham que tomar banho de cultura é viajar para a Europa, não que não seja, mas na minha opinião, conhecer o teu país é fundamental.

Pra terminar nobre relator, rs, gostaria de ver o povão nas novelas, não como empregada doméstica, não só matando, cantando funk ou morrendo queimados por boyzinhos desocupados, mas sim mostrando sua arte, sua cultura brasileira com muitas faces e cores.

E o que é Cultura?

Fonte: Wikipédia

Cultura pode ser definida como o conjunto formado pela linguagem, crenças, hábitos, pensamento e arte de um povo. Outra definição de cultura se refere mais estritamente às artes de caráter mais erudito: literatura, pintura, escultura, arquitetura e artes decorativas.

maracatu-img_0284

Formação da Cultura Brasileira

O substrato básico da cultura brasileira formou-se durante os séculos de colonização, quando ocorre a fusão primordial entre as culturas dos indígenas, dos europeus, especialmente portugueses, e dos escravos trazidos da África subsahariana. A partir do século XIX, a imigração de europeus não-portugueses e povos de outras culturas, como árabes e asiáticos, adicionou novos traços ao panorama cultural brasileiro. Também foi grande a influência dos grandes centros culturais do planeta, como a França, a Inglaterra e, mais recentemente, dos Estados Unidos, países que exportam hábitos e produtos culturais para o resto do globo.

sao-joao

Os Portugueses

As duas festas mais importantes do Brasil, o carnaval e as festas juninas, foram introduzidas pelos portugueses. Além destas, vários folguedos regionalistas como as cavalhadas, o bumba-meu-boi, o fandango e a farra do boi denotam grande influência portuguesa. No folclore brasileiro, são de origem portuguesa a crença em seres fantásticos como a cuca, o bicho-papão e o lobisomem, além de muitas lendas e jogos infantis como as cantigas de roda.

Na culinária, muitos dos pratos típicos brasileiros são o resultado da adaptação de pratos portugueses às condições da colônia. Um exemplo é a feijoada brasileira, resultado da adaptação dos cozidos portugueses. Também a cachaça foi criada nos engenhos como substituto para a bagaceira portuguesa, aguardente derivada do bagaço da uva. Alguns pratos portugueses também se incorporaram aos hábitos brasileiros, como as bacalhoadas e outros pratos baseados no bacalhau. Os portugueses introduziram muitas espécies novas de plantas na colônia, atualmente muito identificadas com o Brasil, como a jaca e a manga.

De maneira geral, a cultura portuguesa foi responsável pela introdução no Brasil colônia dos grandes movimentos artísticos europeus: renascimento, maneirismo, barroco, rococó e neoclassicismo. Assim, a literatura, pintura, escultura, música, arquitetura e artes decorativas no Brasil colônia denotam forte influência da arte portuguesa, por exemplo nos escritos do jesuíta luso-brasileiro Padre Antônio Vieira ou na decoração exuberante de talha dourada e pinturas de muitas igrejas coloniais. Essa influência seguiu após a Independência, tanto na arte popular como na arte erudita.

india

Os Indígenas

A cultura e os conhecimentos dos indígenas sobre a terra foram determinantes durante a colonização, influenciando a língua, a culinária, o folclore e o uso de objetos caseiros diversos como a rede de descanso.

Um dos aspectos mais notáveis da influência indígena foi a chamada língua geral (Língua geral paulista, Nheengatu), uma língua derivada do Tupi-Guarani com termos da língua portuguesa que serviu de lingua franca no interior do Brasil até meados do século XVIII, principalmente nas regiões de influência paulista e na região amazônica. O português brasileiro guarda, de fato, inúmeros termos de origem indígena, especialmente derivados do Tupi-Guarani.

De maneira geral, nomes de origem indígena são frequentes na designação de animais e plantas nativos (jaguar, capivara, ipê, jacarandá, etc).

A influência indígena é também forte no folclore do interior brasileiro, povoado de seres fantásticos como o curupira, o saci-pererê, o boitatá e a iara, entre outros. Na culinária brasileira, a mandioca, a erva-mate, o açaí, a jabuticaba, inúmeros pescados e outros frutos da terra, além de pratos como os pirões, entraram na alimentação brasileira por influência indígena.

capoeira1

Os Africanos

Os africanos contribuíram para a cultura brasileira em uma enormidade de aspectos: dança, música, religião, culinária e idioma. Essa influência se faz notar em grande parte do país; em certos estados como Bahia, Maranhão, Pernambuco, Alagoas, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul a cultura afro-brasileira é particularmente destacada em virtude da migração dos escravos.

Os bantos, nagôs e jejes no Brasil colonial criaram o candomblé, religião afro-brasileira baseada no culto aos orixás praticada atualmente em todo o território. Largamente distribuída também é a umbanda, uma religião sincrética que mistura elementos africanos com o catolicismo e o espiritismo, incluindo a associação de santos católicos com os orixás.

A influência da cultura africana é também evidente na culinária regional, especialmente na Bahia, onde foi introduzido o dendezeiro, uma palmeira africana da qual se extrai o azeite-de-dendê. Este azeite é utilizado em vários pratos de influência africana como o vatapá, o caruru e o acarajé.

Na música a cultura africana contribuiu com os ritmos que são a base de boa parte da música popular brasileira. Gêneros musicais coloniais de influência africana, como o lundu, terminaram dando origem à base rítmica do maxixe, samba, choro, bossa-nova e outros gêneros musicais atuais. Também há alguns instrumentos musicais brasileiros, como o berimbau, o afoxé e o agogô, que são de origem africana. O berimbau é o instrumento utilizado para criar o ritmo que acompanha os passos da capoeira, mistura de dança e arte marcial criada pelos escravos no Brasil colônial.

pizza

Os Imigrantes

Os imigrantes que se fixaram na zona rural do Brasil meridional, vivendo em pequenas propriedades familiares (sobretudo alemães e italianos), conseguiram manter seus costumes do país de origem, criando no Brasil uma cópia das terras que deixaram na Europa. Alguns povoados fundados por colonos europeus mantiveram a língua dos seus antepassados durante muito tempo. Em contrapartida, os imigrantes que se fixaram nas grandes fazendas e nos centros urbanos do Sudeste (portugueses, italianos, espanhóis e árabes), rapidamente se integraram na sociedade brasileira, perdendo muitos aspectos da herança cultural do país de origem. A contribuição asiática veio com a imigração japonesa, porém de forma mais limitada.

De maneira geral, as vagas de imigração européia e de outras regiões do mundo influenciaram todos os aspectos da cultura brasileira. Na culinária, por exemplo, foi notável a influência italiana, que transformou os pratos de massas e a pizza em comida popular em quase todo o Brasil. Também houve influência na língua portuguesa em certas regiões, especialmente no sul do território. Nas artes eruditas a influência européia imigrante foi fundamental, através da chegada de imigrantes capacitados em seus países de origem na pintura, arquitetura e outras artes.

Read Full Post »

Older Posts »

Juarez Barcellos

Educação musical

Cá Minhando

Só algumas histórias

SporeModding

Modificações, tutoriais, dicas e notícias sobre o universo Spore!

CORINTHIANS - Uma Nação

Histórias e notícias de um grande clube

BLOG DO RONALDO

Reflexões de uma mente inquieta

blog into mystery

Celebrating the Best and Worst in Comics

colmhogan.wordpress.com/

Music, Culture & Technology.

Cavalcade of Awesome

All Pax. All Nude. All the Time.

backtothemusic

time travelling through iTunes

%d blogueiros gostam disto: